Planejamento da sua migração

Você está no Guia de migração manual do Tableau Cloud.(O link abre em nova janela) Esse guia descreve como migrar manualmente implantações do Tableau Server com menos de 100 usuários para o Tableau Cloud.

Este tópico orienta você sobre duas importantes tarefas de planejamento que você deve concluir antes da migração: sua estratégia de conectividade de dados e estabelecimento de seu mecanismo de autenticação. Você pode encontrar uma lista resumida das diferenças de recursos no tópico de ajuda do Tableau Server, Considerações técnicas para migração do Tableau Server para o Tableau Cloud (Windows(O link abre em nova janela) | Linux(O link abre em nova janela)). Execute a Avaliação de preparação técnica para migração para o Tableau Cloud para entender se há algum caso de uso que precise ser adaptado antes de migrar para o Tableau Cloud.

Saiba mais sobre o Tableau Cloud

Se você é novo no Tableau Cloud, é recomendável que saiba mais sobre a plataforma inscrevendo-se em um curso autoguiado(O link abre em nova janela) online. Esses cursos podem servir como uma introdução ao Tableau Cloud e fornecerão algum contexto ao planejar sua migração.

Se você estiver familiarizado com a administração do Tableau Server hoje, descobrirá que muitas de suas tarefas são basicamente as mesmas no Tableau Cloud. Com a mudança para o Tableau Cloud, porém, as tarefas relacionadas à implantação e gerenciamento do software serão tratadas pelo Tableau como um serviço gerenciado. Nós faremos as atualizações. Acesse a postagem do blog Devo mover minhas análises para o Tableau Cloud?(O link abre em nova janela) para obter mais detalhes. Com o Tableau Cloud, você poderá concentrar mais energia em garantir uma conectividade de dados sem problemas, equipar os usuários com as melhores práticas e desenvolver uma comunidade analítica. Para obter mais detalhes sobre o que envolve o gerenciamento de um site do Tableau Cloud, bem como vários recursos para você começar como administrador, visite a página Administrador do site do Tableau Cloud(O link abre em nova janela) .

Planejando sua estratégia de dados para Tableau Cloud

O Tableau Cloud pode se conectar a dezenas de fontes de dados, mas é essencial que você desenvolva um plano de conectividade de dados antes de iniciar uma migração. Nesta seção, mostraremos a melhor maneira de fazer isso e descreveremos as duas maneiras pelas quais o Tableau Cloud se conecta aos dados.

O objetivo neste momento é validar que você pode atender aos seus requisitos de dados atuais após a migração para o Tableau Cloud.

Arrumando a casa: seu conteúdo traz alegria?

Antes de começar a avaliar os vários tipos de dados e como você migrará todas as suas fontes de dados, pastas de trabalho e projetos para o Tableau Cloud, recomendamos que você use essa migração como uma oportunidade para fazer uma limpeza doméstica. A maioria das organizações que executam o Tableau Server por mais de um ou dois anos coleta uma certa quantidade de conteúdo obsoleto: pastas de trabalho, fontes de dados, projetos e fluxos. Recomendamos seguir estas etapas antes de migrar:

  • Você pode usar a exibição de administração de conteúdo obsoleto (Windows(O link abre em nova janela) | Linux(O link abre em nova janela)) no Tableau Server para identificar o conteúdo que não está mais em uso. Geralmente não faz sentido mover conteúdo antigo e arquivado para o Tableau Cloud. Deixe-o de lado!
  • Como a maioria das organizações que executam o Tableau Server há algum tempo, sua hierarquia de conteúdo e estrutura de permissão provavelmente "evoluíram" de forma orgânica e provavelmente um pouco confusa. Ao planejar a migração, desenvolva uma estratégia que otimizará estruturas de projeto, grupo e permissões em seu novo site do Tableau Cloud.
  • Se você for um cliente do Tableau Data Management, use as ferramentas para gerenciar a limpeza, a combinação e o processamento de dados para a movimentação pendente.

Faça uma lista e crie uma estratégia de fonte de dados

Depois de limpar o conteúdo existente, é hora de fazer um inventário de suas fontes de dados. O objetivo deste exercício é determinar como você dará suporte aos usuários em sua organização com as fontes de dados que eles estão usando atualmente.

Para cada fonte de dados:

  • Verifique-o com a tabela de conectores do Tableau Cloud na seção a seguir. Se forem compatíveis, você terá um caminho direto a seguir. Caso não estejam na tabela...
  • Verifique com Conectividade com Bridge, para determinar se o seu tipo de dados é compatível com o Tableau Bridge.
  • Se a fonte de dados for um arquivo estático, o Tableau Cloud aceitará o upload de Excel ou fontes de dados baseadas em texto (.xlsx, .csv, .tsv) diretamente do navegador ou do Tableau Desktop. O tamanho máximo do arquivo que você pode carregar é 1 GB. Mais provavelmente, seus usuários estão se conectando a esses tipos de arquivos em um diretório compartilhado e comum. Nesse caso, você pode enviar esses arquivos para um espaço de nuvem pública, como Google Drive, Dropbox ou OneDrive, por exemplo. Ou você pode usar o Bridge. Você (ou seus usuários) pode então configurar o Tableau Cloud para se conectar a esses espaços para uma conexão de dados em tempo real.
  • Execute a Avaliação de preparação técnica para migração para o Tableau Cloud para entender se há algum caso de uso que precise ser adaptado antes de migrar para o Tableau Cloud.

Conectores compatíveis do Tableau Cloud

Os seguintes conectores são compatíveis em Tableau Cloud

Alibaba AnalyticsDB para MySQL‡

Alibaba Data Lake Analytics‡

Alibaba MaxCompute‡

Amazon Athena‡

Amazon Aurora para MySQL‡

Amazon EMR Hadoop Hive‡

Amazon Redshift‡

Apache Drill‡

Azure Data Lake Storage Gen2‡

Azure Synapse Analytics (compatível com o SQL Server)

Box‡

Cloudera Hadoop‡

Databricks‡

Datorama by Salesforce‡

Denodo‡

Dremio by Dremio‡

Dropbox*‡

Esri Connector‡

Exasol‡

Google BigQuery*‡

Google Cloud SQL (compatível com MySQL)‡§

Google Drive‡

Hortonworks Hadoop Hive

IBM DB2‡

Impala‡

Kyvos‡

 

MariaDB‡

Microsoft Azure SQL Database‡

Microsoft Azure Synapse Analytics‡

Microsoft SQL Server‡

MongoDB BI Connector‡

MySQL‡

OData‡

OneDrive*‡

Oracle‡

Pivotal Greenplum Database‡

PostgreSQL‡

Presto‡

Qubole Presto‡

Salesforce‡

SAP HANA (somente para conexões virtuais)‡

Listas do SharePoint‡

SingleStore (anteriormente MemSQL)‡

Snowflake‡

Spark SQL‡

Teradata**‡

Vertica‡

*Para obter mais informações sobre o uso do padrão OAuth 2.0 para conexões Google BigQuery, OneDrive e Dropbox no Tableau Cloud, consulte Conexões OAuth(O link abre em nova janela).

**Atualmente, a criação na Web da Teradata não aceita a funcionalidade de banda de consulta. Consulte Teradata(O link abre em nova janela) para obter mais detalhes.

‡Aceita conexões virtuais se você tiver o Data Management. Consulte Sobre conexões virtuais e políticas de dados(O link abre em nova janela) na ajuda do Tableau Cloud para obter detalhes.

§O Tableau Cloud não oferece suporte a SSL usando o Google Cloud SQL.

Contas de usuário e autenticação

A segunda etapa essencial do planejamento é identificar o mecanismo de autenticação que você gostaria de usar para os usuários do Tableau Cloud.

A conta de usuário padrão no Tableau Cloud é chamada TableauID. A TableauID requer autenticação multifator (MFA) para garantir acesso seguro ao Tableau Cloud. Consulte Sobre autenticação multifator e Tableau Cloud(O link abre em nova janela) na documentação do Tableau Cloud.

Se sua organização usa um provedor de identidade (IdP) para habilitar a autenticação, provavelmente você pode usá-lo para o Tableau Cloud. Oferecemos suporte nativo à autenticação Salesforce e ao Google OpenID. Você também pode configurar o SAML para Azure, Okta, OneLogin, AD FS, PingOne ou qualquer IdP que dê suporte à autenticação SAML 2.0 padrão.

Antes de prosseguir, consulte as opções de autenticação(O link abre em nova janela) do Tableau Cloud para desenvolver um plano.

Se sua organização gerencia identidades com Azure AD, Okta ou OneLogin, você também pode provisionar automaticamente usuários e grupos no Tableau Cloud. Consulte Automatizar o provisionamento de usuários e sincronização de grupos por meio de um provedor de identidade externo(O link abre em nova janela).

Agradecemos seu feedback!Seu feedback foi enviado. Obrigado!