É importante fazer backup do Tableau Server regularmente como parte da manutenção e administração apropriada do seu servidor. É possível usar o comando tsm maintenance restore para restaurar backups do Tableau Server criados usando o tabadmin backup e o tsm maintenance backup. Backups de bancos de dados feitos de outras maneiras e instantâneos da máquina virtual não são fontes válidas para restaurar o Tableau Server, então é importante ter um backup atualizado.

Só é possível restaurar a partir de um backup que tenha o mesmo tipo de armazenamento de identidades que o servidor que está rodando. Por exemplo, um backup de um servidor que usa autenticação local pode ser restaurado para um Tableau Server inicializado por autenticação local, mas um backup de um servidor que usa autenticação por Diretório ativo não pode ser restaurado para um servidor inicializado por autenticação local.

Os dados do Tableau Server incluem arquivos de dados de extração, bem como o banco de dados PostgreSQL do Tableau, que contém metadados da pasta de trabalho e do usuário e dados de configuração. Quando você usa o TSM para criar um backup, tudo isso é salvo em um único arquivo criado com a extensão .tsbak. Se você estiver executando uma instalação distribuída do Tableau Server, é feito um backup dos dados de todos os nós.

A frequência dos seus backups depende do seu ambiente, incluindo a intensidade de uso de seu servidor e o número e a frequência de alterações do conteúdo e do usuário. Qualquer alteração ou atualização que acontecer após o backup será perdida se houver uma falha no sistema e você precisar restaurar o Tableau Server. Quanto mais atividade, mais frequentemente você precisará fazer backup no servidor.

Além dos backups regulares, sempre crie um backup antes de atualizar para uma nova versão do Tableau Server.

Para ajudar na proteção contra perda de dados, após criar o backup, armazene o arquivo .tsbak em um computador que não faça parte da instalação do Tableau Server.

Uso do espaço em disco para backup

O espaço em disco livre necessário para criar um backup varia dependendo da quantidade de dados nos repositório e no armazenamento de arquivos do Tableau Server, além de sua localização com o serviço tabadmincontroller. Durante os backups, as tarefas em segundo plano para limpeza de extrações antigas são temporariamente pausadas. Isso significa que, durante o backup, as atualizações de extração deixarão os arquivos extras no lugar, adicionando ao uso de espaço em disco. Se o backup demorar muito ou se a organização usar muitas extrações regularmente atualizadas, isso poderá resultar em uma quantidade significativa de uso de espaço em disco temporário. Esses arquivos temporários serão removidos depois que o backup for concluído.

A tabela a seguir lista os requisitos de espaço em disco para backup com base em se o nó hospeda o repositório, no armazenamento de arquivos, no controlador ou alguma combinação deles.

Repositório Armazenamento de arquivo Controlador Espaço em disco necessário
   

Dados de repositório 3x + 250 MB

Para obter uma estimativa dos dados do repositório, verifique o tamanho do diretório <data directory>/pgsql/data/base.

Para obter o tamanho exato dos dados de repositório, abra o arquivo de backup e use o tamanho do arquivo workgroup.pg_dump.

   

Dados do armazenamento de arquivos 1.5x

Para obter uma estimativa dos dados do armazenamento de arquivos (extrações, fluxos etc.), verifique o tamanho do diretório <data directory>/dataengine.

    Dados de repositórios 3x + 250 MB + dados do armazenamento de arquivos 2.5x
  Dados de repositórios 3x + 250 MB + dados do armazenamento de arquivos 1.5x
  Dados de repositórios 3x + 250 MB + dados do armazenamento de arquivos 1.5x
  Dados de repositórios 3x + 250 MB + dados do armazenamento de arquivos 2.5x
Dados de repositórios 3x + 250 MB + dados do armazenamento de arquivos 1.5x

Otimização de backup no Tableau Server

Há várias maneiras de maximizar a eficiência do backup. Seu ambiente pode afetar a eficiência de cada um deles, então teste com seus dados para ver o que funciona melhor.

Otimização com configurações de topologia:

  • Colocalizar o Armazenamento de arquivos no mesmo nó que o Controlador de administração pode reduzir o tempo necessário para fazer backup do Tableau Server, reduzindo ou eliminando a necessidade de transferir dados entre nós durante o processo de backup. Isso é especialmente verdade se sua organização usa muitos extratos.
  • A colocalização do repositório (pgsql) com o nó Controlador de administração também pode ajudar a reduzir o tempo de backup, mas a economia de tempo é menos significativa do que a do Armazenamento de arquivos.

O Controlador de administração geralmente está no nó inicial, a menos que você tenha tido uma falha no nó inicial e movido o controlador para outro nó.

Otimização com estratégias de backup:

Backup é um processo que utiliza muitos recursos. Se possível, é uma boa estratégia fazer seus backups durante os horários menos movimentados. No entanto, isso depende de seus requisitos de restauração e com que frequência os dados do Tableau Server são atualizados. Para obter uma explicação detalhada sobre backup e recuperação de desastres, consulte Recuperação de desastres do Tableau Server. Aqui estão algumas estratégias de backup, adote-as para suas necessidades

  • Tipo de armazenamento: os discos de estado sólido são recomendados em geral para backups. O SSD ajuda a tornar logo os seus backups mais rápidos e completos, em comparação com os discos giratórios tradicionais.
  • Compactação de backup: você tem a opção de executar seus backups com ou sem compactação. Quando você fizer seu backup com compactações, seu tamanho de backup será relativamente menor, mas você pode perceber um desempenho mais lento. Então, se o seu objetivo é mais velocidade, escolha a opção --skip-compression:

    Use a opção --skip-compression ao fazer backup do Tableau Server. Isso cria o backup sem usar compactação e resulta em um arquivo de backup maior, mas pode reduzir o tempo necessário para que o backup seja concluído. Para obter mais informações, consulte tsm maintenance backup.

  • Backup instantâneo: essa opção só estará disponível se você tiver configurado o servidor Tableau Server com Armazenamento de arquivos externos. Embora o desempenho dos backups instantâneos dependa do tipo de armazenamento conectado à rede, em geral eles são mais rápidos do que os backups tradicionais do Tableau Server. Para obter mais informações, consulte Armazenamento de arquivos externo do Tableau Server.

 

Criar um backup usando a interface de linha de comandos (CLI) do TSM

Use o comando tsm maintenance backup para criar um backup dos dados gerenciados pelo Tableau Server. Estes dados incluem arquivos de dados de extração e o banco de dados PostgreSQL do Tableau, que contém metadados da pasta de trabalho e do usuário.

Antes de fazer backup do Tableau Server, verifique se as permissões estão configuradas corretamente para os seguintes cenários:

  • O Tableau Server instalado em uma unidade não padrão: se você tiver instalado o Tableau Server em uma unidade ou pasta não padrão, será necessário configurar manualmente as permissões para a conta de Serviço de rede. Talvez seja necessário configurar também permissões adicionais para a conta de serviço Run As. Consulte Instalando em um local não padrão.
  • Ao fazer backup do Tableau Server no Windows para uma unidade de rede, a conta da Máquina deve ter acesso de gravação ao compartilhamento de rede onde os arquivos de backup são gravados (normalmente esse não é o caso e você é responsável fazer essa configuração, se quiser fazer backup do servidor para um compartilhamento de rede).

Para fazer backup dos dados de configuração do servidor, use o comando tsm settings. Ao usar o comando tsm maintenance backup, a data atual é anexada ao arquivo de backup:

tsm maintenance backup -f <backup_file> -d

Para obter mais informações, consulte tsm maintenance backup.

Criar um backup de pré-atualização

Você deve sempre criar um backup antes de atualizar o Tableau Server. Também é possível criar um backup durante a execução do Tableau Server e minimizar a quantidade de tempo de indisponibilidade do servidor durante a atualização. O processo para criar um backup de pré-atualização é o mesmo para a criação de backups regulares, com uma consideração adicional para as instalações distribuídas.

Observação: desinstale o Tableau Server de dos nós que não serão incluídos na nova instalação para evitar conflitos entre os nós mais antigos e a nova instalação.

Backups durante upgrades

Durante uma atualização do Tableau Server, um backup temporário do banco de dados é criado para permitir migrações que ocorrem como parte de atualizações. Isso é feito durante a atualização e, na maioria dos casos, não tem impacto perceptível no processo de atualização. Em certos casos especiais, pode haver impactos adicionais:

  • Principais atualizações de pgsql — Se uma atualização incluir uma atualização de versão principal no banco de dados usada para o repositório do Tableau, o backup de atualização interna será feito sem compactação para economizar tempo. Isso requer espaço adicional de disco temporário durante o processo de atualização.

    Versões do Tableau Server que incluem uma atualização de banco de dados de versão principal; 2020.4.

Agendamento e gerenciamento de backups

A partir de 2020.4.0, você pode usar comandos tsm para agendar um backup. Você precisa fazer isso na linha de comando (não há interface do TSM para agendar backups). O comando tsm maintenance backup permite que você crie e atualize os horários de backup. Os comandos tsm schedules lhe dão a capacidade de visualizar, excluir, pausar, retomar e atualizar horários.

Para agendar um backup:

  1. Abra um prompt de comando como administrador no nó inicial (o nó onde o TSM está instalado).

  2. Execute o seguinte comando:

    tsm maintenance backup -f <backup-file> -d -sr <recurrence> -st <time-to-run> -sd <days-to-run> -sn <schedule-name>
    

    Por exemplo, para criar uma agenda de backup chamada "backup mensal" executada no dia 15 de cada mês às 2 da manhã e gerar um arquivo chamado ts-mid_month_backup-<yyyy-mm-dd>.tsbak:

    tsm maintenance backup -f ts-mid_month_backup -d -sr monthly -st 02:00 -sd 15 -sn monthly-backup
    

Para visualizar um backup agendado:

  1. Abra um prompt de comando como administrador no nó inicial (o nó onde o TSM está instalado).

  2. Execute o seguinte comando:

    tsm schedules list 
    

    Você pode classificar os horários pelo horário de execução agendado, do mais cedo para o mais recente, ou pelo nome usando as opções --next-run ou --schedule-name. Você pode exibir alternadamente detalhes para uma única agenda usando a opção --schedule-id. Quando você visualiza uma única agenda, você vê detalhes adicionais sobre ela, incluindo quando foi criada, quantas vezes foi executada e opções específicas usadas quando ela é executada. As opções de trabalho são mostradas no formato JSON como "Job args".

Para atualizar um backup agendado:

  1. Abra um prompt de comando como administrador no nó inicial (o nó onde o TSM está instalado).

  2. Execute o seguinte comando:

    tsm schedules update --schedule-id <ID> --schedule-time <time-to-run> --schedule-recurrence <frequency> --schedule-days <day-to-run>
    

    Observações: oara adicionar ou alterar um nome, use o comando tsm-maintenance-backup.

Para suspender ou retomar uma agenda de backup:

  1. Abra um prompt de comando como administrador no nó inicial (o nó onde o TSM está instalado).

  2. Execute um dos seguintes comandos:

    • Para suspender uma agenda:

      tsm schedules suspend --schedule-id <scheduleID>
      
    • Para retomar uma agenda suspensa:

      tsm schedules resume --schedule-id <scheduleID>
      

Criar o script para o processo de backup

Caso faça o backup frequentemente, talvez deseje criar um script que execute o backup e as tarefas relacionadas. Essas tarefas incluem:

  • Limpe arquivos e pastas antes de executar o backup.

  • Executar o próprio backup.

  • Copiar o arquivo de backup em um computador separado para proteção.

Esta seção discute os comandos tsm que podem ser usados em conjunto para executar um backup e as tarefas relacionadas.

Observação: o TSM é um arquivo de lote. Para executar comandos tsm em outro arquivo de lote, use o comando call . Por exemplo, "call tsm maintenance ziplogs”. Executar essa ação retornará o controle para o arquivo de lote. Você também precisa fazer autenticação no TSM antes de emitir qualquer comando. Para obter mais informações, consulte Autenticação com a CLI tsm.

Para obter informações adicionais sobre o script de comandos do TSM, consulte os Fóruns da Comunidade do Tableau(O link abre em nova janela).

Remover arquivos de log e limpar pastas temporárias

É possível limpar o arquivo de registro antigo do Tableau Server e os arquivos temporários para reduzir o tempo de criação de um backup e garantir que o arquivo de backup seja o menor possível.

Para limpar os arquivos de log anteriores a alguns dias, execute o seguinte comando:

tsm maintenance cleanup

Executar o backup

Observação: Ao fazer backup do Tableau Server no Windows para uma unidade de rede, a conta da Máquina deve ter acesso de gravação ao compartilhamento de rede onde os arquivos de backup são gravados (normalmente esse não é o caso e você é responsável fazer essa configuração, se quiser fazer backup do servidor para um compartilhamento de rede).

Para criar o backup, use o comando tsm maintenance backup:

tsm maintenance backup --file <backup_file> --append-date

Observe o seguinte sobre o comando:

  • Adicione --append-date ao comando para incluir a data no nome de arquivo de backup.

  • O arquivo de backup é reunido em um local temporário no diretório de dados e, em seguida, gravado no diretório definido na variável basefilepath.backuprestore do TSM. Como padrão:

    C:\ProgramData\Tableau\Tableau Server\data\tabsvc\files\backups\<filename>.tsbak

    Para obter mais informações sobre os arquivos de backup e como alterar o local, consulte tsm File Paths. Observação: mesmo ao alterar o local do backup, o processo de backup usa um local temporário no diretório de dados para reunir o arquivo de backup.

Copiar um arquivo de backup em outro computador

Como uma prática recomendada, após a criação do backup, copie o arquivo de backup em outro local, que seja separado do Tableau Server.

Agradecemos seu feedback!