Práticas visuais recomendadas

As fontes, cores, sombras, alinhamento, bordas e linhas dos gráficos na visualização são partes importantes da sua análise e da história que deseja contar. Os produtos do Tableau foram projetados para que você possa criar visualizações incríveis que utilizam as práticas recomendadas por padrão, para que você não precise pensar em coisas como fontes e cores (a não ser que queira).

Se quiser personalizar, você pode controlar o visual de quase todos os elementos visíveis em uma planilha. Este artigo descreve as dicas e as melhores práticas sobre aparência que você deve ter em mente durante a personalização, do fluxo de trabalho ideal até como aproveitar ao máximo as dicas de ferramentas.

Formatar do menor para o maior

Ao alterar a aparência de seu trabalho, use um fluxo de trabalho "do maior para o menor". Comece formatando as fontes e os títulos no nível da pasta de trabalho e então siga para o nível da planilha. Deixe por último as partes individuais de uma exibição. Uma pasta de trabalho é o maior "contêiner" possível para formatar alterações e realizar alterações neste nível poupará tempo.

Consulte Formatar no nível da pasta de trabalho, Formatar no nível da planilha e Formatar texto e números para obter detalhes.

Alterar a cor com um objetivo

Se quiser alterar as cores usadas na sua visualização, o Tableau facilita: basta clicar no cartão Cor e em Editar cores. Por exemplo, se quiser enfatizar um dado mais importante. Use cores neutras com apenas uma cor vibrante para destacar a informação que deseja que chame a atenção. Se quiser que as cores correspondam às cores da marca da sua empresa, é possível criar uma paleta personalizada. Consulte Criar paletas de cores personalizadas para ver as etapas.

Ao mudar as cores, tenha as seguintes práticas recomendadas em mente.

Campos discretos e paletas categóricas

Os campos discretos são os campos que apresentam valores únicos. Um exemplo é o campo nome do cliente. O Tableau associa automaticamente os campos discretos com paletas categóricas, que apresentam cores projetadas para se diferenciarem umas das outras e, ao mesmo tempo, trabalharem bem juntas na visualização como um todo.

Alterar cores de campos individuais

Após selecionar uma paleta categórica, é possível alterar manualmente as cores associadas a campos específicos.

  1. Na caixa de diálogo Editar cores, clique duas vezes nos campos do painel Selecionar item de dados.

  2. A paleta de cores do seu sistema operacional será aberta, permitindo que defina uma nova cor para o item selecionado.

Campos contínuos e paletas quantitativas

Com os campos contínuos, os valores dos campos fazem parte de um todo (como as vendas ao longo do tempo). O Tableau associa automaticamente esses campos a paletas quantitativas, nas quais as cores são distribuídas ao longo de um contínuo ou de um intervalo. Se os valores do campo são positivos, uma única cor é a melhor opção:

Se o campo apresenta valores negativos e positivos, escolha um intervalo de duas cores:

Limitar cores

Usadas corretamente, as cores podem melhorar a análise. Cores em excesso podem criar uma sobrecarga visual para seus usuários e impedir a análise. Na exibição abaixo, as barras empilhadas representam as assinaturas de telefone celular e a linha de tendência é o uso da Internet ao longo do tempo. Na primeira imagem, os Anos ficam na divisória Cores. Observe como é difícil escolher a linha de tendência entre todas as outras cores e como é fácil detectar a linha de tendência na segunda imagem, onde existem apenas duas cores.


Clique na imagem para reproduzi-la.

Usar fontes que otimizem a legibilidade on-line

As fontes na família tipográfica do Tableau foram projetadas para trabalhar com as visualizações de dados e otimizadas para legibilidade em tamanhos pequenos. As visualizações do Tableau as utilizam por padrão.

Se precisar utilizar uma fonte diferente, escolha uma que otimize a legibilidade on-line, como:

  • Arial
  • Trebuchet MS
  • Verdana
  • Times New Roman
  • Lucida sans

Reforçar sua história com as dicas de ferramentas

Enquanto observam o seu painel, os leitores usam o mouse de maneira intuitiva para explorar as marcas, e isso faz com que as dicas de ferramenta apareçam. As dicas de ferramentas aparecem por padrão na maioria das exibições e são uma ótima maneira de reforçar a história dos dados. Você pode personalizar suas dicas de ferramenta clicando em Planilha > Dicas de ferramenta.

Por exemplo, aqui está uma dica de ferramenta para uma exibição nas visualizações de página de um site:

Veja abaixo um exemplo de como a dica de ferramenta acima pode ser reescrita e formatada para destacar o que é importante para as pessoas que observam essa exibição:

Você também pode reescrever suas dicas de ferramenta para contar uma mini-história. Por exemplo, aqui está uma dica de ferramenta sobre o número de plataformas de petróleo na Itália.

Abaixo, a dica de ferramenta é reescrita como uma frase e os elementos-chave foram colocados em negrito para chamar a atenção do visualizador.

Considerar seus eixos

Por padrão, o intervalo de eixos no Tableau se ajustará automaticamente com base nos dados disponíveis na visualização. Contudo, a filtragem e outras ações podem alterar o intervalo de eixos. Se quiser criar uma comparação específica entre duas visualizações, alterar os intervalos de eixos pode tornar a análise mais difícil para os usuários. Se for o caso, é possível configurar o eixo para um intervalo fixo específico. Para acessar as etapas de como fazer isso, consulte Exemplos: usar intervalos de eixos diferentes (uniforme, independente, fixo).

Caso esteja trabalhando com dados que possuem um intervalo muito abrangente, um eixo fixo pode não ser prático. Se for o caso, acrescente linhas de grade à visualização. As linhas de grade podem ajudar a orientar os usuários quando o eixo se ajustar automaticamente. Consulte Formatar linhas para obter mais informações.

Agradecemos seu feedback! Ocorreu um erro ao enviar o feedback. Tente novamente ou envie-nos uma mensagem.