Criar conjuntos

Os conjuntos podem ser usados para comparar e fazer perguntas sobre um subconjunto de dados. Conjuntos são campos personalizados que definem um subconjunto de dados com base em algumas condições.

Assista ao vídeo: para ver conceitos relacionados demonstrados no Tableau, assista aos vídeos de treinamento gratuitos Criação de conjuntos(Link opens in a new window) (6:54 minutos) e Trabalho com conjuntos(Link opens in a new window) (4 minutos). Use sua conta do tableau.com(Link opens in a new window) para fazer logon.

Você pode fazer conjuntos mais dinâmicos e interativos usando as ações em Ações de conjunto. Ações de conjunto permite que seu público-alvo interaja diretamente com uma visualização ou um painel para controlar os aspectos das análises. Ao selecionar marcas na visualização, as ações de conjunto podem alterar os valores em um conjunto.

Além de uma Ação de conjunto, você também pode permitir que os usuários alterem a associação de um conjunto usando uma interface semelhante a um filtro conhecida como Controle de conjuntos, que facilita a designação de entradas em cálculos que conduzem a análise interativa. Para obter detalhes, consulte Mostrar um controle de conjuntos na exibição.

Criar um conjunto dinâmico

Há dois tipos de conjuntos: conjuntos dinâmicos e conjuntos fixos. Os membros de um conjunto dinâmico mudam quando os dados subjacentes mudam. Os conjuntos dinâmicos podem ser baseados em uma única dimensão.

Para criar um conjunto dinâmico:

  1. No painel Dados, clique com o botão direito do mouse em uma dimensão e selecione Criar > Conjunto.

  2. Na caixa de diálogo Criar conjunto, configure seu conjunto. Faça isso usando uma das seguintes guias:

    • Geral: use a guia Geral para selecionar um ou mais valores que serão considerados durante o cálculo do conjunto.

      Como alternativa, selecione a opção Usar todos para sempre considerar todos os membros, até quando novos membros forem adicionados ou removidos.

    • Condição: use a guia Condição para definir regras que determinam quais membros incluir no conjunto.

      Por exemplo, você pode especificar uma condição baseada no total de vendas, que inclui apenas produtos com vendas acima de US$ 100.000.

      Observação: as condições de conjunto funcionam da mesma forma que as condições de filtro. Consulte Filtrar dados das suas exibições(Link opens in a new window) para saber mais.

    • Principal(is): Use a guia Principal(is) para definir limites nos membros a serem incluídos no conjunto.

      Por exemplo, você pode especificar um limite baseado no total de vendas, que inclui apenas os 5 principais produtos com base em suas vendas.

      Observação: os limites de conjunto funcionam da mesma forma que os limites de filtro. Consulte Filtrar dados das suas exibições(Link opens in a new window) para saber mais.

  3. Ao terminar, clique em OK.

    O novo conjunto é adicionado à parte inferior do painel Dados, sob a seção Conjuntos. Um ícone de conjunto indica que o campo é um conjunto.

Criar um conjunto fixo

Os membros de um conjunto fixo não mudam quando os dados subjacentes mudam. Um conjunto fixo pode ser baseado em uma única dimensão ou em várias dimensões.

Para criar um conjunto fixo:

  1. Na visualização, selecione uma ou mais marcas (ou cabeçalhos) na exibição.

  2. Clique com o botão direito do mouse na(s) marca(s) e selecione Criar conjunto.

  3. Na caixa de diálogo Criar conjunto, digite um nome para o conjunto.

  4. Opcionalmente, conclua qualquer uma das seguintes ações:

    • Por padrão, o conjunto inclui os membros listados na caixa de diálogo. Você pode selecionar a opção para Excluir esses membros. Quando você excluir, o conjunto incluirá todos os membros que você não selecionou.

    • Remova todas as dimensões que não devem ser consideradas. Para isso, clique no ícone de "x" vermelho exibido quando ao focalizar o título de uma coluna .

    • Remova todas as linhas específicas que não devem ser incluídas no conjunto. Para isso, clique no ícone de "x" vermelho exibido ao focalizar a linha .

    • Se as marcas que você selecionou representarem várias dimensões, cada membro do conjunto será uma combinação dessas dimensões. É possível especificar o caractere que separa os valores de dimensões. Para fazer isso, em Membros separados por, insira um caractere da sua escolha.

    • Selecione Adicionar à divisória de filtro para mover automaticamente o conjunto para a divisória Filtros quando ele for criado.

  5. Ao terminar, clique em OK.

    O novo conjunto é adicionado à parte inferior do painel Dados, sob a seção Conjuntos. Um ícone de conjunto indica que o campo é um conjunto.

Adicionar ou remover pontos de dados de conjuntos

Se você criou um conjunto usando pontos de dados específicos, você pode adicionar mais dados ou subtrair dados do conjunto.

Para adicionar ou remover pontos de dados de um conjunto:

  1. Na visualização, selecione os pontos de dados que deseja adicionar e remover.

  2. Na dica de ferramenta que aparecer, clique no ícone do menu suspenso Conjuntos, em seguida selecione Adicionar a [set name] ou Remover de [set name] para adicionar ou remover dados de um determinado conjunto.

Usar conjuntos na visualização

Após criar um conjunto, ele é exibido na parte inferior do painel Dados, na área Conjuntos. É possível arrastá-lo para a visualização como qualquer outro campo.

Ao arrastar um conjunto para a visualização no Tableau Desktop, há duas opções: mostrar os membros do conjunto ou agregar os membros nas categorias Dentro/Fora.

No Tableau Server ou Tableau Online, só é possível agregar os membros do conjunto nas categorias Dentro/Fora.

Mostrar membros Dentro/Fora em um conjunto

Na maioria dos casos, quando um conjunto é arrastado para a visualização, o Tableau exibe o conjunto usando o modo Dentro/Fora. O modo separa o conjunto em duas categorias:

  • Dentro - Os membros no conjunto.

  • Fora - Membros que não fazem parte do conjunto.

Por exemplo, em um conjunto definido para os 25 principais clientes, os principais clientes seriam parte da categoria Dentro e todos os outros clientes seriam parte da categoria Fora. 

Com o modo Dentro/Fora, é fácil comparar os membros do conjunto com todos os outros.

Para mostrar membros Dentro/Fora em uma visualização:

  • No Tableau Desktop, clique com o botão direito do mouse no conjunto na área de trabalho na visualização e selecione Mostrar Dentro/Fora do conjunto.

Quando um conjunto está no modo Dentro/Fora, o campo na divisória é precedido pelo texto "DENTRO/FORA", seguido do nome do conjunto.

Observação: o modo Dentro/Fora não está disponível em pastas de trabalho criadas antes da versão 8.2 que usam fontes de dados do Microsoft Excel ou de arquivos de texto, pastas de trabalho que usam a conexão herdada, ou pastas de trabalho que usam fontes de dados do Microsoft Access.

Mostrar membros em um conjunto

Como uma alternativa a mostrar o conjunto usando o modo Dentro/Fora, liste os membros no conjunto. Mostrar os membros no conjunto automaticamente adiciona um filtro à exibição que inclui somente os membros do conjunto.

Para alternar o conjunto para listar os membros individuais:

  • Na área de trabalho de visualização, clique com o botão direito do mouse no conjunto e selecione Mostrar membros no conjunto.

Observação: para exibir os nomes de membros totalmente qualificados para cubos, clique com o botão direito do mouse no conjunto no painel Dados e selecione Qualificar nomes de membro.

Permitir que usuários alterem os valores de conjunto

Adicionar uma ação de conjunto

Você pode usar as ações de conjunto para oferecer ao público-alvo mais controle sobre a análise da sua visualização.

As ações de conjunto usam um conjunto existente e atualizam os valores contidos nele com base na ação de um usuário na visualização. Como autor, você pode usar um ou mais conjuntos já criados para definir o escopo da ação de conjunto.

Para obter detalhes sobre como criar e usar ações de conjunto, consulte Ações de conjunto.

Mostrar um controle de conjuntos na exibição

Para dar ao seu público a capacidade de modificar rapidamente membros de um conjunto, você também pode exibir um Controle de conjuntos. Um controle de conjuntos é um cartão Planilha que é muito semelhante a um cartão Controle de parâmetros ou Filtro. Adicione controles de conjuntos a planilhas e painéis e eles serão incluídos ao publicar no Tableau Server ou no Tableau Online, ou ao salvar na Web no Tableau Public.

Para exibir o controle de conjuntos, clique com o botão direito do mouse (clique pressionando a tecla Control) no painel de Dados e selecione Mostrar parâmetro.

Como outros cartões, os controles de conjuntos têm um menu que pode ser aberto usando a seta suspensa no canto superior direito do cartão. Use este menu para personalizar a exibição do controle, que é compatível com modos de seleção de valor único e de vários valores. Por exemplo, mostre botões de opção para seleção individual ou uma lista suspensa compatível com várias seleções.

Observação: só é possível de exibir um controle de conjuntos para conjuntos dinâmicos — não conjuntos fixos. Isso é por padrão, já que conjuntos fixos não são feitos para mudar de associação. Além disso, se o conjunto dinâmico não estiver em jogo na exibição (ou seja, se não for referenciado em um cálculo ou instanciado na planilha), o item do menu de contexto será desativado, lembrando-o de adicionar o conjunto à exibição.

Combinar conjuntos

Se desejar comparar os membros, combine dois conjuntos. Ao combinar conjuntos, um novo conjunto contendo a combinação de todos os membros é criado, apenas os membros existentes em ambos ou os membros que existem em um conjunto, mas não no outro.

A combinação de conjuntos permite encontrar respostas para perguntas complexas e compare coortes dos seus dados. Por exemplo, para determinar a porcentagem de clientes que compraram no ano passado e neste ano, combine dois conjuntos contendo os clientes de cada ano e retornar somente os clientes que existem em ambos os conjuntos.

Para combinar dois conjuntos, eles devem basear-se nas mesmas dimensões. Isto é, você pode combinar um conjunto contendo os principais clientes com outro conjunto contendo os clientes que compraram no último ano. Entretanto, não é possível combinar o conjunto dos principais clientes com um conjunto dos principais produtos.

Para combinar conjuntos:

  1. No painel Dados, em Conjuntos, selecione os dois conjuntos que deseja combinar.

  2. Clique com o botão direito do mouse nos conjuntos e selecione Criar conjunto combinado.

  3. Na caixa de diálogo Criar conjunto, faça o seguinte:

    • Digite um nome para o novo conjunto combinado.

    • Verifique se os dois conjuntos que você quer combinar estão selecionados nos dois menus suspensos.

    • Selecione uma das seguintes opções para como combinar os conjuntos:

      • Todos os membros em ambos os conjuntos - o conjunto combinado conterá todos os membros de ambos os conjuntos.

      • Membros compartilhados em ambos os conjuntos - o conjunto combinado conterá somente os membros existentes em ambos os conjuntos.

      • Exceto membros compartilhados - o conjunto combinado conterá todos os membros do conjunto especificado que não existirem no segundo conjunto. Essas opções são equivalentes a subtrair um conjunto de outro. Por exemplo, se o primeiro conjunto contiver maçãs, laranjas e peras, e o segundo contiver peras e nozes, a combinação do primeiro conjunto, exceto os membros compartilhados, conterá apenas maçãs e laranjas. O item peras é removido porque ele existe no segundo conjunto.

    • Com opção, especifique um caractere que separe os membros se os conjuntos representarem várias dimensões.

  4. Ao terminar, clique em OK.

Observação: essa funcionalidade não está disponível em pastas de trabalho criadas antes da versão 8.2 que usam fontes de dados do Microsoft Excel ou de arquivos de texto, pastas de trabalho que usam a conexão herdada, ou pastas de trabalho que usam fontes de dados do Microsoft Access.

Exemplos de conjuntos

Há muitas formas de usar conjuntos para responder a perguntas complexas e comparar coortes de dados. Abaixo estão alguns exemplos de como usar conjuntos para definir e comparar subconjuntos de dados.

Como os membros de um conjunto contribuem para o total?

Você talvez tenha dúvidas de todos os tipos em relação a como os membros de um conjunto contribuem para o total geral. Por exemplo, que percentual do total de vendas vem de clientes repetidos? É possível responder a esses tipos de perguntas usando o modo DENTRO/FORA para o conjunto.

O exemplo a seguir usa dados de vendas para criar um conjunto de clientes que compraram US$ 5.000 ou mais em produtos.

Crie o conjunto

  1. Clique com o botão direito do mouse (clique pressionando a tecla Control no Mac) na dimensão Nome do cliente no painel Dados e selecione Criar > Conjunto.

  2. Na caixa de diálogo Criar conjunto, digite um nome para o conjunto. Nesse exemplo, chamaremos o conjunto de "Clientes"

  3. Selecione a opção Usar todos para que a condição sempre se aplique a todos os valores, até quando novos clientes forem adicionados.

  4. Na guia Condição, clique em Por campo e, em seguida, defina uma condição que só inclua os clientes quando a Soma das Vendas for maior ou igual a 5.000.

  5. Clique em OK.

Criar a visualização

  1. Arraste o novo conjunto da área Conjuntos, na parte inferior do painel Dados, para a divisória Linhas.

  2. Arraste Vendas até a divisória Colunas. A exibição mostra as vendas totais para clientes que compraram mais de US$ 5.000 em produtos e as vendas totais para todos os clientes.

  3. Por fim, clique na seta suspensa no campo Soma (vendas), na divisória Coluna, e selecione Cálculo de tabela rápido > Percentual do total no menu de contexto.

A exibição agora mostra que os clientes com vendas maiores ou iguais a US$ 5.000 compõem cerca de 39% das vendas totais.

Quantos membros de um conjunto existem em outro conjunto?

Um outro uso comum de conjuntos é para comparar subconjunto de dados ou coortes. Por exemplo, você pode querer saber quantos dos clientes que compraram no ano passado também compraram este ano. Ou, se um cliente comprou um produto específico, que outros produtos ele comprou? É possível responder a esses tipos de perguntas criando vários conjuntos e combinando-os. O exemplo abaixo usa os dados de vendas para determinar quantos dos clientes que compraram em 2012 também compraram em 2013.

Criar um conjunto combinado

  1. Arraste o campo Nome do cliente para a divisória Linhas.

  2. Arraste o campo Order Date (Data do pedido) para a divisória Filtros.

  3. Na caixa de diálogo Filtrar campo, selecione Anos e clique em Avançar.

  4. Na caixa de diálogo Filtrar, selecione 2012 e clique em OK.

  5. De volta à exibição, pressione CTRL + A (Command+A no Mac) em seu teclado para selecionar todos os clientes.

  6. Clique com o botão direito do mouse (clique pressionando a tecla Control no Mac) na seleção e selecione Criar conjunto combinado.

  7. Na caixa de diálogo Criar conjunto que abrir, digite um nome para o conjunto. Nesse exemplo, chamaremos o conjunto de "Clientes (2012)".

  8. Clique em OK.

  9. Na divisória Filtros, clique com o botão direito do mouse (clique pressionando a tecla Control, no Mac) em Data do pedido e selecione Editar filtro.

  10. Na caixa de diálogo Filtro, altere o filtro para incluir somente 2013, em vez de 2012 e, depois, clique em OK.

  11. Mais uma vez, pressione CTRL + A (Command+A no Mac) em seu teclado para selecionar todos os clientes.

  12. Clique com o botão direito do mouse (clique pressionando a tecla Control no Mac) na seleção e selecione Criar conjunto.

  13. Na caixa de diálogo Criar conjunto que abrir, digite um nome para o conjunto. Esse conjunto será chamado de "Clientes (2013)".

  14. Clique em OK.

  15. No painel Dados, selecione Clientes 2012 e Clientes 2013 mantendo pressionada a tecla Ctrl (tecla Command no Mac) no seu teclado, durante a seleção.

  16. Clique com o botão direito do mouse (clique pressionando a tecla Control no Mac) na seleção e selecione Criar conjunto combinado.

  17. Na caixa de diálogo Criar conjunto, digite um nome para o novo conjunto. Nesse exemplo, chamaremos o conjunto de "Clientes (2012 e 2013)".

  18. Verifique se os dois conjuntos corretos estão selecionados nos menus suspensos.

  19. Selecione a opção para incluir Membros compartilhados em ambos os conjuntos.

  20. Clique em OK.

Criar a visualização

  1. Na parte inferior da pasta de trabalho, clique no ícone Nova planilha .

  2. Na nova planilha, arraste a dimensão Nome do cliente até a divisória Linhas.

  3. Clique na seta suspensa no campo Nome do cliente, na divisória Linhas, e selecione Medida > Contagem (distinta) no menu de contexto.

  4. Por fim, na área Conjuntos do painel Dados, arraste o campo Clientes (2012 e 2013) até a divisória Filtros. É possível observar que 437 clientes adquiriram produtos em 2012 e 2013.

Conjuntos hierárquicos e descendentes

Um conjunto hierárquico filtra os dados para os membros selecionados e todos os seus descendentes. São exclusivos a fontes de dados dimensionais (cubo) e definidos dentro da fonte de dados antes da conexão com o Tableau Desktop.

Ao criar conjuntos por meio de uma fonte de dados em cubo no Tableau, estruturas descendentes e de hierarquia são incluídas automaticamente com os membros selecionados.

Por exemplo, um conjunto chamado Laticínios é criado a partir da hierarquia Produto. Conforme mostrado abaixo, isso inclui somente o departamento de produtos de laticínios.

Veja a exibição a seguir. A dimensão Departamento do produto é colocada na divisória Linhas e a medida Vendas da loja é colocada na divisória Colunas.

Se você colocar o conjunto Laticínios na divisória Filtros, poderá ver que a exibição será filtrada para incluir somente as categorias de produtos de laticínios.

Conforme mostrado abaixo, para revelar os níveis Categoria de produto, Subcategoria de produto e Marca, basta detalhar Departamento de produtos . Conforme esses descendentes são revelados, os cabeçalhos das linhas são adicionados à exibição. Isso acontece porque um filtro de conjunto permite exibir os níveis de detalhes contidos nos membros filtrados.

Outros artigos nesta seção

Agradecemos seu feedback! Ocorreu um erro ao enviar o feedback. Tente novamente ou envie-nos uma mensagem.