Você pode criar mapas no Tableau Desktop que mostram dados de proporção ou agregados, similares ao exemplo a seguir. Esses tipos de mapas são chamados de mapas coropléticos ou preenchidos.

Os mapas coropléticos são ideais para mostrar os dados de proporção ou agregados para polígonos. Esses polígonos podem ser condados, regiões, estados, ou qualquer área ou local que pode ser codificado geograficamente no Tableau. Eles podem ser até mesmo territórios personalizados criados no Tableau. Para obter mais informações, consulte Criar territórios em um mapa(O link abre em nova janela).

mapa coroplético

Este tópico ilustra como criar um mapa coroplético usando um exemplo. Siga o exemplo a seguir para saber como configurar sua fonte de dados e criar a visualização do mapa coroplético.

Sua fonte de dados

Para criar um mapa coroplético, sua fonte de dados deve incluir os seguintes tipos de informações:

A tabela a seguir é um fragmento da fonte de dados countyObesity + (Obesity_State_County), incluída na Pasta de trabalho de exemplo de Criar mapas coropléticos no Tableau(O link abre em nova janela) no Tableau Public. Ela contém colunas para Estado, Condado/Município e Percentual de obesidade - 2012.

Estado Condado/Município Percentual de obesidade - 2012
Alabama Município de Autauga 30,9000
Alabama Município de Baldwin 26,7000
Alabama Município de Barbour 40,8000
Alabama Município de Bibb 40,1000
Alabama Município de Blount 32,4000
Alabama Município de Bullock 44,5000

Fundamentos básicos de mapa:

Divisória Colunas: Longitude (medida contínua, função geográfica de longitude atribuída)
Divisória Linhas: Latitude (medida contínua, função geográfica de latitude atribuída)
Detalhe: uma ou mais unidades geográficas (dimensões com funções geográficas atribuídas)
Cor: medida ou dimensão
Tipo de marca: automático ou mapa

Criar a visualização de mapa

Para continuar com este exemplo, baixe a Pasta de trabalho de exemplo - Criar mapas coropléticos no Tableau(O link abre em nova janela) do Tableau Public e abra-a no Tableau Desktop.

  1. Abra uma nova planilha.

  2. No painel Dados, em Dimensões, state_Obesity, clique duas vezes em Estado.

    O Estado é adicionado aos Detalhes no cartão Marcas e Longitude e Latitude são adicionadas às divisórias Colunas e Linhas. Uma visualização de mapa é criada com um ponto de dados para cada Estado na sua fonte de dados.

  3. Na visualização de mapa, selecione os pontos de dados Alasca e Havaí e, em seguida, clique em Excluir na dica de ferramenta exibida.

  4. No cartão Marcas, clique no ícone de mais no campo Estado para detalhar ao nível de Condado/Município.

    Agora, há um ponto de dados para cada país na sua fonte de dados.

  5. Em Medidas, em countyObesity, arraste Percentual-2012 para Cor no cartão Marcas.

    A visualização de mapa é alterada para um tipo de marca preenchida e os polígonos ficam verdes. Observe que a agregação padrão para a medida Percentual-2012 é SUM por padrão.

  6. No cartão Marcas, clique com o botão direito no campo Percentual-2012 e selecione Atributo.

    Como os dados neste campo já são uma porcentagem, não faz sentido agregá-los como uma soma.

  7. No cartão Marcas, clique em Cor e selecione Editar cores.

  8. Na caixa de diálogo Editar cor, clique no menu suspenso de cor, selecione Laranja e clique em OK.

  9. No cartão Marcas, clique em Cor e, em seguida, em Efeitos, clique no menu suspenso Borda e selecione Nenhuma.

Agora, o mapa coroplético está completo. Há um percentual de obesidade para cada polígono (município) na visualização de mapa.

Observação sobre a distribuição de cores

A distribuição que você especifica para a cor dos polígonos afeta muito o modo como as pessoas interpretam os dados. Por exemplo, o mapa criado na seção Criar a visualização de mapa usou a distribuição de cores padrão do Tableau. A distribuição da cor foi igual em todos os valores. Esta é a visualização do mapa:

No entanto, se você decidir distribuir os valores em cinco cores (cor de nível, no Tableau), esta será a visualização do mapa:

Ou então, talvez prefira ver quartis. Esta será a aparência do mapa:

Observe como as altas taxas de obesidade no sul são mais visíveis quando você usa quartis?

A distribuição de cores escolhidas depende das informações que você está tentando mostrar.

Por exemplo, se você desejar mostrar que as taxas de obesidade são mais altas no sul, poderá escolher o exemplo de quartil. No entanto, caso mostre que as taxas de obesidade, em geral, são altas nos Estados Unidos, opte pelo primeiro exemplo que tem a distribuição uniforme de cores. Nenhum desses mapas está certo ou errado; eles apenas mostram histórias diferentes.

Observação sobre o nível de detalhe

O nível de detalhe que você especificar em um mapa coroplético determina os padrões que deseja ver nos dados. Se você deseja ver um padrão simplificado, considere agregar até um nível mais alto de detalhe. Se você deseja se aprofundar para encontrar tendências menores, considere agregar até um nível mais baixo de detalhe.

Por exemplo, a visualização de mapa criada na seção Criar a visualização de mapa foi agregada no nível de detalhe de Condado/Município. O nível de detalhe de município era o menor na fonte de dados. Em um nível de detalhe mais alto, como Estado, a visualização de mapa pode ser similar ao seguinte. Observe que os padrões nos dados são simplificados neste nível de detalhe.

Consulte também:

Mapeamento de conceitos no Tableau(O link abre em nova janela)

Atribuir funções geográficas(O link abre em nova janela)

Criar mapas que mostram valores quantitativos no Tableau(O link abre em nova janela)

Criar territórios em um mapa(O link abre em nova janela)

Agradecemos seu feedback!