Se a instalação do Tableau Server incluir um nó que se tornou desnecessário, remova-o para simplificar a instalação e libere os recursos de hardware nesse nó.

Pré-requisitos para a remoção de um nó

Há pré-requisitos que você deve satisfazer antes de remover um nó do seu cluster do Tableau Server. Se o nó tiver alguma limitação, você precisará solucioná-la antes que possa remover o nó. As limitações incluem confirmar que o nó foi adicionado com pelo menos um processo, e que o nó não inclui processos que também não estão instalados em outro nó.

Se uma das seguintes limitações de configuração se aplicar, tome medidas antes que possa remover o nó:

  • Se o nó tiver sido adicionado apenas usando a ID da Web, será necessário aplicar alterações pendentes antes que possa removê-lo. Se você o tiver adicionado usando a linha de comando, precisará configurá-lo com pelo menos um processo antes que você possa removê-lo.

  • Se o nó incluir a única instância Repositório, você precisará mover o Repositório para outro nó. Consulte Mover o processo de repositório.

  • Se o nó estiver executando a única instância do Armazenamento de arquivos, você precisará mudar o Armazenamento de arquivos para outro nó. Consulte Mover o processo do Armazenamento de arquivos.

  • Se o nó estiver executando uma instância do Serviço de coordenação, você deverá implantar um novo ensemble do Serviço de coordenação que não inclua o nó. Consulte Implantar um ensemble do Serviço de coordenação.

  • Se o nó estiver executando Serviço de mensagens, você precisará mover o Serviço de mensagens para outro nó. Consulte Mover o processo de serviço de mensagens.

Importante: não use o script tableau-server-obliterate para remover o nó. Primeiro, remova o nó usando a interface do usuário do TSM UI ou o comando remove-nodes da topologia do tsm. Isso deixa o restante do cluster em um bom estado. Posteriormente, se quiser adicionar novamente o nó ao cluster, execute o script tableau-server-obliterate no nó para remover completamente o Tableau. Após remover o Tableau do nó, reinicie o computador e adicione novamente o nó usando as etapas usuais para adicionar e configurar um nó. Para obter detalhes sobre a execução do script, consulte Remover o Tableau Server do computador.

  1. Abra o TSM em um navegador:

    https://<tsm-computer-name>:8850

    Para obter mais informações, consulte Fazer logon na interface do usuário na Web do Tableau Services Manager.

  2. Clique na guia Configuração e, no nó que deseja remover, clique em Remover nó:

    Se uma limitação de configuração não permitir a remoção do nó (se, por exemplo, ele incluir um Armazenamento de arquivos que deve ser desativado primeiro), será exibida uma mensagem com essa informação. Consulte Pré-requisitos acima para obter mais informações.

    Observação: se tiver acabado de adicionar o nó e o mesmo não tiver sido configurado, você deverá aplicar as alterações pendentes antes removê-lo.

  3. Clique em Alterações pendentes no canto superior direito e em Aplicar alterações e reiniciar.

Use o comando tsm topology remove-nodes para remover um nó de um cluster.

Para remover um nó de um cluster, é necessário que ele tenha sido configurado com um processo em algum momento anterior. Se você adicionou um nó usando a CLI e deseja removê-lo, mas não configurou nenhum processo, deverá incluir um processo nele, executar o comando tsm pending-changes apply e, em seguida, remover o nó. Por exemplo, você pode adicionar uma instância do Controlador de cluster ao nó: tsm topology set-process -n <nodeID> -pr clustercontroller -c 1.

Se estiver removendo um nó adicionado usando a interface do usuário da Web, o processo do Controlador de cluster será adicionado automaticamente para que você não precise adicioná-lo antes de remover o nó.

  1. No nó inicial, abra uma sessão do terminal.

  2. Encontre a ID do nó que você está alterando:

    tsm topology list-nodes -v

  3. Remova um nó usando o comando remove-nodes.

    Por exemplo, para remover node2 de um cluster existente:

    tsm topology remove-nodes --node-names "node2"

    Se uma limitação de configuração não permitir a remoção do nó (se, por exemplo, ele incluir um Armazenamento de arquivos que deve ser desativado primeiro), será exibida uma mensagem com essa informação. Consulte Pré-requisitos acima para obter mais informações.

  4. Aplique as alterações:

    tsm pending-changes apply

Agradecemos seu feedback!