Criar uma instância de banco de dados PostgreSQL no Serviço de banco de dados relacional (RDS) da AWS

A partir da versão 2019.3, você pode hospedar seu Repositório externo na Plataforma AWS Cloud. Este tópico descreve como criar uma instância de banco de dados PostgreSQL RDS da AWS para usar como repositório externo do Tableau Server.

Para ver uma lista completa de hosts que você pode usar para o repositório externo, consulte Repositório externo do Tableau Server.

Requisitos e recomendações

  • Tipo de instância de memória otimizada do Amazon RDS com uso mínimo de db.m4.2xlarge. Esse é o tamanho mínimo recomendado para a instância do AWS RDS a ser usado no repositório externo do Tableau Server, mas os requisitos exatos variam de acordo com os requisitos e o uso. Recomendamos os tipos de instância de memória otimizada do Amazon RDS db.r4.xlarge (ou db.r5.xlarge) para o desempenho máximo.

    Você pode começar com um tipo de instância menor e, se posteriormente você achar que precisa de um tipo de instância maior, pode atualizar a instância RDS existente. Para obter mais informações, consulte Atualizar a Instância de RDS.

    A comunicação segura entre o Tableau Server e a instância de banco de dados PostgreSQL externa usando conexões SSL não é necessária, mas recomendada.

  • A instância de banco de dados PostgreSQL deve ser acessível por meio de todos os nós no cluster do Tableau Server. Uma das maneiras de fazer isso é tornar a instância de banco de dados PostgreSQL um membro de um grupo de segurança, que tenha as permissões de acesso necessárias por meio de todos os nós no cluster do Tableau Server.

  • A versão do PosgreSQL deve coincidir com a versão usada pelo Tableau Server quando instalada localmente. O Tableau Server 2020.4 usa o PostgreSQL versão 12.

Criar uma instância de banco de dados PostgreSQL no RDS da Amazon

Etapa 1: criar um grupo de parâmetros

Os parâmetros de PostgreSQL definidos para uma instância de PostgreSQL local no arquivo postgresql.conf são mantidos no grupo de parâmetros de banco de dados para a instância de banco de dados. Ao criar uma instância de banco de dados, os parâmetros no grupo de parâmetros de banco de dados associado são carregados.

É possível modificar os valores dos parâmetros alterando os valores no grupo de parâmetros. Você também pode alterar os valores dos parâmetros, se tiver os privilégios de segurança para fazer isso, usando os comandos ALTER DATABASE, ALTER ROLE e SET.

Existem dois tipos de parâmetros de PostgreSQL, estáticos e dinâmicos. Os parâmetros estáticos exigem que a instância de banco de dados seja reinicializada antes de serem aplicados. Os parâmetros dinâmicos podem ser aplicados imediatamente.

A tabela a seguir mostra os parâmetros que você deve modificar com os valores recomendados pelo Tableau:

Nome Tipo de dados Tipo de parâmetro Valores de configuração recomendados pelo Tableau Descrição
autovacuum booliano Dinâmico 1 Inicia o subprocesso de autovacuum.
client_min_messages cadeia de caracteres Dinâmico error (erro) Define os níveis de mensagem enviados ao cliente.
escape_string_warning booliano Dinâmico 0 Avisa sobre os escapes da barra invertida (\) em literais de cadeia de caracteres comuns.
lc_messages cadeia de caracteres Dinâmico en_US.UTF-8 Define o idioma em que as mensagens são exibidas.
lc_monetary cadeia de caracteres Dinâmico en_US.UTF-8 Define a localidade para formatar valores monetários.
lc_numeric cadeia de caracteres Dinâmico en_US.UTF-8 Define a localidade para formatar números.
lc_time cadeia de caracteres Dinâmico en_US.UTF-8 Define a localidade para formatar os valores de data e hora.
log_autovacuum_min_duration inteiro Dinâmico 100 Define o tempo mínimo de execução acima do qual as ações de autovacuum serão registradas.
log_connections booliano Dinâmico 1 Registra cada conexão bem-sucedida.
log_lock_waits booliano Dinâmico 1 Registra longas esperas de bloqueio.
log_min_duration_statement inteiro Dinâmico 100 Define o tempo mínimo de execução acima do qual as instruções serão registradas.
log_min_messages cadeia de caracteres Dinâmico error (erro) Define os níveis de mensagem registrados.
log_temp_files inteiro Dinâmico 128 Registra o uso de arquivos temporários maiores que esse número de kilobytes.
rds.force_ssl booliano   1 Força conexões SSL; exige importação de certificados no repositório de chaves do cliente
rds.logical_replication booliano   1  
ssl booliano Estático 1 Definido para permitir conexões SSL
standard_conforming_strings booliano Dinâmico 0 Faz com que as cadeias de caracteres tratem as barras invertidas literalmente.
work_mem inteiro Dinâmico 16384 Define a memória máxima a ser usada para espaços de trabalho de consulta.

Para obter mais informações e uma lista completa de parâmetros de PostgreSQL, consulte Trabalho com parâmetros de PostgreSQL(O link abre em nova janela) no site AWS.

Etapa 2: criar uma instância de banco de dados PostgreSQL no RDS da Amazon

Para criar uma nova instância de banco de dados PostgreSQL, siga as instruções fornecidas no site de documentação da Amazon(O link abre em nova janela).

Abaixo estão as opções de configuração e os valores recomendados para a nova instância de banco de dados PostgreSQL:

  • Especificações da instância

    • Usar o grupo de parâmetros criado na Etapa 1.
    • Use a versão compatível do PostgreSQL para a versão do Tableau Server usada. Para obter uma lista completa das versões do PostgreSQL compatíveis com as versões do Tableau Server, consulte Compatibilidade entre produtos.
    • Usar a classe de instância de banco de dados que é db.m4.2xlarge ou maior.
    • Alocar pelo menos 100 GB de armazenamento.
    • Tipo de armazenamento e IOPS de provisionamento: deixar padrão (as recomendações podem mudar dependendo do teste de carregamento).
  • Configurações

    • Você deve usar trilhas como nome de usuário mestre.

      Esse é um requisito para que o repositório externo funcione corretamente com o Tableau Server.

    • Escolha uma senha que atenda aos requisitos do AWS.

  • Rede e segurança

    • Verifique se a instância do RDS pode ser acessada por todos os nós do Tableau Server. Isso geralmente envolve a criação de um grupo de segurança que permite acesso a partir dos nós.

  • Opções de banco de dados

    • Não crie um banco de dados inicial. O nome do Banco de dados deve ficar em branco, pois o Tableau Server criará os bancos de dados necessários na instância do RDS.

    • A porta pode ser qualquer valor, mas é recomendável deixá-la como padrão 5432.

    • Defina o Grupo de parâmetros de banco de dados como o criado na Etapa 1.

    • Deixe a autenticação de banco de dados IAM desabilitada.

  • Criptografia

    • Você pode escolher se deseja criptografia ou não.

  • Backup

    • Esta seção refere-se a backups automatizados do AWS e não a backups do Tableau Server. É possível especificar as configurações que atendem aos requisitos.

  • Monitoramento

    • É possível especificar as configurações com base nos seus requisitos.

  • Exportações de registro

    • É possível especificar as configurações com base nos seus requisitos.

  • Manutenção

    • Desabilite a atualização automática da versão secundária. O Tableau Server é criado para usar uma versão específica do PostgreSQL. Você será solicitado a atualizar a versão do PostgreSQL, se necessário, durante a atualização do Tableau Server.

  • Proteção contra exclusão

    • É possível especificar as configurações com base nos seus requisitos.

Etapa 3: Obter o endpoint da instância de banco de dados PostgreSQL

Após criar a instância de banco de dados PostgreSQL, não é possível utilizá-la até que a inicialização seja concluída pelo AWS e isso pode demorar alguns minutos. Quando a instância estiver pronta, obtenha as informações do endpoint que você usará para configurar o Tableau Server para usar essa instância no repositório do Tableau Server.

Etapa 4: baixar o arquivo de certificado SSL (arquivo .pem)

As conexões seguras entre o Tableau Server e o Repositório externo usando SSL não é necessária, mas recomendada.

Se quiser configurar conexões seguras entre o Tableau Server e o Repositório externo, você precisará do arquivo .perm ao configurar o Tableau Server para usar a instância DB para o seu Repositório do Tableau Server. Para obter mais informações, consulte Uso de SSL para criptografar a conexão com a uma instância de banco de dados(O link abre em nova janela).

Se você não precisa usar conexões seguras entre o Tableau Server e o Repositório externo, precisa configurar a instância RDS para permitir conexões não criptografadas.

Importante: se, como parte de um vencimento planejado do certificado SSL da instância RDS, você precisa atualizar sua instância RDS com o novo arquivo de certificado, você também precisa atualizar as configurações do Tableau Server para usar o novo arquivo de certificado. Você pode fazer isso ao baixar o arquivo mais recente e executar o comando tsm topology external-services repository replace-host e fornecer o novo arquivo de certificado.

Configuração de alta disponibilidade para o banco de dados PostgreSQL

O Tableau Server não gerencia ou configura a alta disponibilidade para o repositório externo. O RDS da Amazon oferece recursos de alta disponibilidade que podem ser usados para fornecer alta disponibilidade, gerenciar failover etc. Para obter mais informações, consulte a Alta disponibilidade do RDS da Amazon(O link abre em nova janela).

Recuperação de desastres do banco de dados PostgreSQL

Em caso de desastre, talvez seja necessário configurar uma nova instância RDS. Há outros cenários em que você pode precisar se recuperar de um problema com a instância RDS. Por exemplo, ao atualizar o Tableau Server, também pode precisar atualizar a versão PostgreSQL na instância RDS. Caso a atualização do PostgreSQL não seja bem sucedida, pode ser necessário usar uma nova instância RDS. Nesses cenários, para configurar o Tableau Server para usar a nova instância RDS, siga as seguintes etapas:

  1. Restaurar o instantâneo em uma nova instância RDS. O AWS não é compatível com restaurar um instantâneo em uma instância RDS existente. Para obter mais informações sobre backup e restauração de instantâneos RDS, consulte Backup e restauração do Amazon RDS.

  2. Crie um novo arquivo de configurações JSON contendo informações de conexão para a nova instância RDS. Para obter mais informações sobre a criação de um arquivo de configurações JSON, consulte Etapa 1 em Instalar o Tableau Server com o repositório PostgreSQL externo.

  3. Use o comando tsm topology external-services repository replace-host para direcionar o Tableau Server para a nova instância RDS.

    Para mais informações sobre o comando tsm topology external-services repository replace-host, consulte tsm topology.

Quem pode fazer isso

Somente os administradores do Tableau Server podem configurar o Tableau Server para usar o repositório externo. Você também precisará de uma conta do AWS para criar uma instância RDS.

Agradecemos seu feedback!