Para melhorar os tempos de carregamento de pastas de trabalho, o Tableau Server armazena em cache os resultados de consultas incluídas nas pastas de trabalho. Na maioria das pastas de trabalho, os resultados de consulta são computados e armazenados em cache quando são visualizados pela primeira vez por um usuário no Tableau Server. Porém, nas pastas de trabalho que se conectam a extrações de dados, o Tableau Server pode computar novamente os resultados de consulta quando são realizadas as tarefas de atualização de extrações correspondentes. Isso reduz o tempo de carregamento dessas pastas de trabalho quando são visualizadas pela primeira vez. Dessa forma, essa opção é ativada por padrão em pastas de trabalho visualizadas recentemente.

Importante! O aquecimento do cache de consulta externa será preterido nas versões 2022.4 e posteriores. Para melhorar os tempos de carregamento de exibição de pastas de trabalho, você deve permitir a aceleração de exibição em seu site. Para obter mais informações, consulte Aceleração da exibição.

Determinar o impacto do desempenho

Embora esta opção reduza o tempo de carregamento inicial de pastas de trabalho, computar novamente os resultados de pesquisa também aumenta o carregamento no Tableau Server. Caso a instalação do Tableau Server já tenha restrições de desempenho, desative esta opção ou diminua o limite de cache da pasta de trabalho.

Estes são alguns motivos possíveis para desativar a opção ou diminuir o limite:

No entanto, observe que esta é apenas uma das opções que afeta o desempenho de tarefas em segundo plano. Para obter mais informações sobre o desempenho, consulte Desempenho.

Desativar o cache da pasta de trabalho no servidor

Para diminuir a carga no Tableau Server, desative o cache da pasta de trabalho após uma atualização agendada no nível do servidor. Se você desativar essa opção, o Tableau Server armazenará em cache os resultados de consulta de pastas de trabalho na primeira visualização das pastas de trabalho.

Use a seguinte opção do tsm configuration set para desativar o cache de pasta de trabalho após uma atualização agendada:

backgrounder.externalquerycachewarmup.enabled

Para obter mais informações sobre como usar e aplicar as opções do tms set, consulte Opções do tsm configuration set.

Desativar o cache de pasta de trabalho em um site

Também é possível desativar o cache de pasta de trabalho após uma atualização agendada de um site individual. Por exemplo, você poderá fazer isso se houver um determinado site com muitas pastas de trabalho lentas que aumentam o carregamento no servidor.

  1. Selecione o site do qual deseja desativar o cache de pasta de trabalho na lista suspensa de sites.

  2. Clique em Configurações.

  3. Na seção Desempenho da pasta de trabalho após uma atualização agendada, desmarque a caixa de seleção.

Observação: embora esta opção esteja disponível nas configurações de um site individual, você deve ter permissões de administrador de servidor para visualizá-la.

Configurar o limite de cache da pasta de trabalho

O Tableau Server computa novamente os resultados de consulta apenas para pastas de trabalho que têm tarefas de atualização agendada e que foram visualizadas recentemente.

É possível aumentar ou diminuir o número de pastas de trabalho que estão armazenadas em cache após uma atualização agendada com a opção do tsm configuration set a seguir:

backgrounder.externalquerycachewarmup.view_threshold

Por padrão, o limite é definido como 2.0. O limite é igual ao número de visualizações que uma pasta de trabalho recebeu nos últimos sete dias, dividido pelo número de atualizações agendadas nos próximos sete dias. (Se uma pasta de trabalho não foi visualizada nos últimos sete dias, provavelmente não será visualizada em breve. Por isso, o Tableau Server não usa recursos que computam novamente as consultas da pasta de trabalho.)

Agradecemos seu feedback!