Snowflake

Este artigo descreve como conectar o Tableau a um data warehouse do Snowflake e configurar a fonte de dados.

Antes de começar

Antes de começar, colete estas informações de conexão:

  • Nome do servidor ao qual deseja se conectar
  • Método de autenticação:
    • Nome de usuário e senha
    • SAML IdP
    • OAuth
  • As credenciais de logon dependem do método de autenticação escolhido e podem incluir o seguinte:
    • Nome de usuário e senha
    • URL do servidor SAML IdP
    • Nome de usuário
  • (Opcional) Instrução SQL inicial para ser executada sempre que o Tableau se conecta

Driver necessário

Este conector exige um driver para se comunicar com o banco de dados. Você talvez já tenha esse driver instalado no computador. Se o driver não estiver instalado no computador, o Tableau exibirá uma mensagem na caixa de diálogo de conexão com um link para a página Download do driver(Link opens in a new window), na qual é possível encontrar links para o driver e instruções de instalação.

Observação: para suportar o uso do OAuth com Snowflake, você deve instalar o driver de ODBC mais recente do Snowflake (a versão 2.17.5 é a atual).

Fazer a conexão e configurar a fonte de dados

Conectar o Tableau a seus dados

  1. Inicie o Tableau e, em Conectar, selecione Snowflake. Para obter uma lista completa de conexões de dados, selecione Mais em A um servidor.
  2. Insira o nome do servidor ao qual você deseja se conectar.
  3. Selecione o método de Autenticação: Nome de usuário e senha, SAML IdP ou Fazer logon usando o OAuth.
  4. Insira as informações solicitadas. As informações solicitadas dependem do método de autenticação escolhido.
    • Se selecionar SAML IdP, insira o Nome de usuário e Senha no campo SAML IdP (Okta), insira a URL do servidor SAML IdP. Vá para a etapa 5.
    • Se você selecionar Fazer logon usando OAuth, siga as etapas a seguir:
      1. Selecione SQL inicial se quiser executar um comando de SQL no início de cada conexão. Para obter mais informações, consulte Executar o SQL inicial.
      2. Selecione Fazer logon.
      3. Na página da Web que é aberta, entre no Snowflake inserindo seu Nome de usuário e Senha e selecione Logon. Ou selecione Logon único [SSO] se o Snowflake estiver configurado para suportar o SSO.
      4. Clique em OK para confirmar a autorização para acessar seus dados do Snowflake.
      5. Feche a janela do navegador e retorne ao Tableau.
      6. Vá para a próxima seção "Configurar a fonte de dados".
  5. (Opcional) Selecione SQL inicial para especificar um comando SQL a ser executado no início de cada conexão quando você abre a pasta de trabalho, atualiza uma extração, faz logon no Tableau Server ou publica no Tableau Server. Para obter mais informações, consulte Executar o SQL inicial.
  6. Selecione Fazer logon.
  7. Se o Tableau não conseguir fazer a conexão, verifique se as suas credenciais estão corretas. Se ainda assim não conseguir se conectar, seu computador está enfrentando problemas para localizar o servidor. Entre em contato com o administrador de banco de dados ou de rede.

Personalizar a conexão usando parâmetros de driver

Haverá momentos em que você pode querer modificar a conexão feita com o conector Snowflake. Você pode fazer isso ao acrescentar parâmetros de driver à cadeia de caracteres da conexão na caixa de texto Inserir parâmetros de driver personalizados:

Observação: não é possível alterar os parâmetros do driver gerados pelo Tableau; você pode anexar somente parâmetros.

Neste exemplo, o usuário especifica um servidor proxy para usar quando os valores no_proxy não forem atendidos. No_proxy indica quais nomes de host têm permissão para ignorar o servidor proxy:

Proxy=http://proxyserver.company:80;no_proxy=.trustedserver.com;

Para obter detalhes sobre os parâmetros de driver, consulte Parâmetros de configuração e conexão do ODBC no site da Snowflake.

Configurar a fontes de dados

Na página da fonte de dados, faça o seguinte:

  1. (Opcional) Selecione o nome da fonte de dados padrão na parte superior da página e, em seguida, insira um nome de fonte de dados exclusivo para uso no Tableau. Por exemplo, use uma convenção de nomeação de fonte de dados que ajude os outros usuários da fonte de dados a deduzir a qual fonte de dados devem se conectar.

  2. Na lista suspensa Armazém, selecione um armazém ou use a caixa de texto para pesquisá-lo pelo nome.
  3. Na lista suspensa Banco de dados, selecione um banco de dados ou use a caixa de texto para pesquisá-lo pelo nome.
  4. Na lista suspensa Esquema, selecione um esquema ou use a caixa de texto para procurar um pelo nome.
  5. Em Tabela, selecione uma tabela ou use a caixa de texto para procurar uma tabela pelo nome.
  6. Arraste uma tabela para a tela e selecione a guia da planilha para iniciar sua análise. Use SQL personalizado para se conectar a uma consulta específica em vez de à fonte de dados inteira. Para obter mais informações, consulte Conectar a uma consulta de SQL personalizado.

Fazer logon em um Mac

Se você usa o Tableau Desktop em um Mac, quando inserir o nome de servidor com o qual se conectar, use um nome de domínio totalmente qualificado, como mydb.test.example.lan, em vez de um nome de domínio relativo, como mydb ou mydb.test.

Como alternativa, é possível adicionar o domínio à lista de Domínios de Pesquisa no computador Mac para que, quando você se conectar, seja necessário fornecer apenas um nome de servidor. Para atualizar a lista de Domínios de Pesquisa, vá para Preferências do Sistema > Rede > Avançado e depois abra a guia DNS.

Configurar suporte do servidor Snowflake para OAuth

Para obter informações sobre como configurar o OAuth para conexões entre o Tableau e o Snowflake, consulte Configurar OAuth para conexões do Snowflake(Link opens in a new window).

Usar um proxy para o Snowflake

Conecte-se a partir do Tableau por meio de um proxy ao Snowflake. Se estiver usando o Tableau 2019.4 ou posterior, poderá configurá-lo com a caixa de diálogo do conector digitando os parâmetros necessários no campo de texto Insira parâmetros de driver personalizados.

Para obter informações sobre os parâmetros que você deve usar, consulte a documentação do Snowflake(Link opens in a new window).

Observação: o Tableau não usa um DSN para se conectar ao Snowflake, então você pode ignorar as instruções na documentação do Snowflake sobre o uso de um DSN.

Por exemplo:

Se estiver usando uma versão do Tableau anterior à versão 2019.4, poderá configurá-lo ao inserir os parâmetros em um arquivo TDC usando odbc-extras.

Por exemplo:

<connection-customization class='snowflake' enabled='true' version='19.1'>
<vendor name='snowflake' />
<driver name='snowflake' />
<customizations>
<customization name='odbc-connect-string-extras' value='proxy=http://proxyserver.company:80' />
</customizations>
</connection-customization>

Para obter mais informações, consulte Personalizar a cadeia de caracteres de conexão de um Conector nativo(Link opens in a new window).

Consulte também

Outros artigos nesta seção

Agradecemos seu feedback! Ocorreu um erro ao enviar o feedback. Tente novamente ou envie-nos uma mensagem.