Instalar o Bridge

O Tableau Bridge é um software que você pode instalar e usar com o Tableau Online.

Antes de instalar o Bridge

Antes de instalar o cliente do Bridge, revise os requisitos mínimos e as informações gerais que você precisa saber para ajudar a garantir um início bem-sucedido do uso do cliente.

Requisitos do sistema

O Bridge está disponível para o sistema operacional Windows de 64 bits. Você também pode instalar o cliente em uma máquina virtual. Para obter informações sobre quais versões do Windows são suportadas ou sobre os requisitos de memória e espaço em disco, revise Hardware recomendado.

Requisitos da licença

Você não precisa de uma chave do produto para usar o Bridge. Seu uso do Bridge está sujeito ao Contrato de licença de usuário final (EULA). Os usuários do Bridge devem ser usuários autorizados do Tableau Online.

Acesso à rede

Como o Bridge facilita as conexões entre os seus dados locais e o Tableau Online, ele requer a capacidade de fazer conexões de saída pela Internet. O Bridge não exige a capacidade de fazer conexões de entrada, o que significa que normalmente ele não exige que o administrador da rede faça alterações no firewall ou na rede para funcionar.

Endereços e portas

Assim como o Tableau Desktop, o Bridge usa portas comuns (80 e 443) para fazer solicitações de saída para o Tableau Online. Na maioria dos casos, a máquina em que o cliente está instalado e a rede em que está sendo executado já estão configuradas para permitir o acesso necessário.

Drivers de banco de dados

O Bridge usa conectores do Tableau para se conectar a bancos de dados diferentes para manter a atualização dos dados. Alguns desses conectores exigem que os drivers se comuniquem com os bancos de dados.

Por padrão, os seguintes drivers são instalados com o cliente:

  • Oracle
  • Amazon Redshift
  • Microsoft SQL Server
  • PostgreSQL

Para obter drivers para outros conectores suportados pelo cliente, consulte a página Download do driver(Link opens in a new window) no site do Tableau.

Com exceção dos drivers da Oracle, você pode optar por não instalar nenhum driver de banco de dados padrão na página Personalizar durante a instalação do Bridge.

Instalar o Bridge

Siga o procedimento abaixo para instalar o cliente do Bridge. Você não precisa de uma chave do produto do Tableau para instalar ou usar o cliente.

  1. Baixe o instalador da página Downloads de produtos e notas de versão(Link opens in a new window) no site do Tableau.

  2. Execute o instalador.

  3. Quando solicitado, aceite o contrato de licença para continuar.

  4. (Opcional) Personalize a instalação clicando em Personalizar . Você pode alterar qualquer uma das seguintes opções:

    • Local da instalação: é possível especificar um local diferente para instalar o cliente.
    • Criar um atalho para a área de trabalho: se não quiser criar automaticamente um atalho para a área de trabalho no Bridge, desmarque a caixa de seleção.
    • Criar um atalho para o menu Iniciar: se não quiser adicionar automaticamente um atalho para o menu Iniciar no Bridge, desmarque a caixa de seleção
    • Ativar relatório de erros: se o Bridge tiver um problema e for fechado inesperadamente, os arquivos de despejo e registros da falha serão gerados e enviados para o Tableau. Para desativar esta opção, desmarque essa caixa de seleção durante a instalação. Você também pode desativar essa opção (ou ativá-la novamente) no cliente após a instalação. Para obter mais informações, consulte Relatórios de erros.
    • Instalar drivers de banco de dados: se não quiser instalar automaticamente os drivers de banco de dados padrão, desmarque a caixa de seleção.
  5. Clique em Instalar para iniciar a instalação do cliente.

Depois que o cliente for instalado, você poderá iniciá-lo clicando duas vezes no atalho do Bridge na área de trabalho ou no Tableau Desktop (se estiver instalado na mesma máquina do Bridge).

Sobre Meu repositório do Tableau Bridge

Como parte da instalação do Bridge, é criada uma pasta nomeada Meu repositório do Tableau Bridge na máquina onde o cliente está instalado. Esta pasta do repositório contém subpastas importantes, como Logs e Configuração, que o Bridge precisa para funcionar adequadamente.

A pasta é criada na pasta Documentos: \Users\<user>\Documents\My Tableau Bridge Repository. O Tableau recomenda que não altere a pasta que o Bridge usa como repositório.

Atualizar o Bridge

Manter-se sincronizado com a versão mais recente do Bridge garante que você aproveite os recursos e as correções mais recentes incluídos em cada nova versão do cliente do Bridge.

Para ativar o cliente, siga o procedimento abaixo.

Importante:se você está executando a versão do cliente 2018.2-2018.3, recomendamos fortemente atualizar para a versão mais recente do Bridge para aproveitar as atualizações mais recentes de segurança e recursos. Para obter mais informações, consulte o artigo "Ocorreu um problema e não foi possível iniciar o processador de dados adequadamente"(Link opens in a new window) na base de dados de conhecimento do Tableau.

  1. Faça logon na máquina onde o cliente está instalado.

  2. Se você estiver executando o cliente no modo de serviço, no canto inferior esquerdo do cliente, ao lado de Modo, selecione Aplicativo. A alteração para o modo de Aplicativo garante que o serviço do Tableau Bridge pare completamente antes da atualização.

  3. Selecione Configurações > Sair.

  4. Siga as etapas listadas na seção Instalar o Bridge para instalar o cliente e concluir a atualização.

Após a conclusão da instalação, o cliente será iniciado como normal. Se o cliente estava em execução no modo de Serviço antes do processo de atualização, retorne ao modo de serviço.

Relatórios de erros

Você pode ajudar a melhorar o Bridge enviando automaticamente os relatórios de erros para o Tableau. Os relatórios de erros são compostos por arquivos de despejo da falha que são enviados para o Tableau quando o cliente do Bridge precisa fechar inesperadamente (falha). Esses arquivos são usados ​​pelo Tableau para identificar e resolver problemas que podem causar o fechamento inesperado do cliente.

Importante: desative esta opção se os seus dados estiverem sujeitos a regulamentos de privacidade.

O que há em um relatório de erros

O pacote criptografado é composto dos seguintes arquivos: arquivos de despejo de falha/núcleo e arquivos de manifesto relacionados à falha.

Os arquivos podem conter dados que incluem:

  • Informações específicas da máquina. Por exemplo: hardware, sistema operacional, domínio, etc.

  • Instantâneo do conteúdo da memória no momento da falha. Por exemplo: quais fontes de dados tinham extrações atualizadas, quais tinham consultas em tempo real, etc.

  • Informações que o Bridge estava processando no momento da falha, incluindo informações de identificação do cliente que podem ser usadas para corrigir o erro. Por exemplo: quem está usando o Bridge com qual site, o nome do cliente no qual o usuário está conectado, etc.

Para obter mais informações sobre como o Tableau trata informações confidenciais, consulte a política de privacidade do Tableau no site do Tableau.

Configurar relatórios de erros automáticos

Você pode configurar o Bridge para enviar relatórios de erros automaticamente em um dos dois locais: durante o processo de instalação do cliente ou após a instalação diretamente no cliente.

Ativar a opção de relatórios automáticos de erros durante a instalação do cliente

Durante a instalação, a opção para enviar automaticamente relatórios de erros do cliente é selecionada por padrão. No entanto, você pode remover a seleção.

Desativar a opção de relatórios automáticos de erros no cliente

Se você decidiu usar a configuração padrão durante o processo de instalação e decidir posteriormente que não deseja permitir que os relatórios de erros sejam enviados automaticamente, é possível modificar a opção no menu do cliente.

Instalar o Bridge da linha de comando

Se você for um administrador local na máquina, é possível instalar o cliente do Bridge da linha de comando.

Sintaxe da linha de comando geral

A sintaxe para executar o instalador do Bridge da linha de comando é a seguinte:

tableauBridge<installer_name>.exe /option1 /option2 PROPERTY1 PROPERTY2

Algumas observações sobre a sintaxe:

  • O arquivo tableau<installer_name>.exe é o instalador do cliente para o produto e a versão que você está instalando.
  • As opções especificam como o processo de instalação deve ser executado. Por exemplo, se deve exibir a saída durante a instalação e se deve criar arquivos de registro.
  • As configurações de propriedades especificam as configurações que o instalador deve fazer durante o processo de instalação.

Exemplo de comando do instalador

O exemplo a seguir mostra um comando do instalador com algumas opções e configurações de propriedade.

tableauBridge-64bit-2018-2-0.exe /quiet /passive ACCEPTEULA=1 DATABASEDRIVERS=1

Você deve executar o comando do diretório em que o arquivo .exe está localizado ou especificar um caminho completo para o local do arquivo .exe na máquina. Não execute o instalador de um diretório compartilhado na sua rede. Em vez disso, baixe o arquivo .exe para um diretório na máquina em que deseja instalar o cliente.

Opções e propriedades do instalador

Você pode especificar uma ou mais opções na linha de comando para o instalador.

Opções do instalador

Algumas observações sobre as opções: 

  • Cada opção é prefixada com uma barra (/).
  • As opções devem estar antes das propriedades.
Opção Descrição
quiet Executa o instalador sem mensagens (de status ou de progresso de instalação) e sem precisar de interação do usuário. O cliente não é iniciado depois que a instalação é concluída.
passive Executa o instalador e exibe as caixas de diálogo e o status de instalação. Não solicita informações do usuário. O cliente é iniciado depois que a instalação é concluída.
norestart Suprime qualquer tentativa de reiniciar. Como padrão, o instalador avisará a você antes da reinicialização, a menos que seja executado em modo silencioso.
log "logfile.txt" Registra informações de instalação no caminho e arquivo especificados. Especifique o caminho e o nome de arquivo, por exemplo,/log "c:\logs\logfile.txt". O arquivo de registro padrão é o diretório %TEMP% do sistema.
repair Execute o instalador para reparar uma instalação existente do Bridge.
h Opções de listas de ajuda e propriedades do instalador.

Propriedades do instalador

Você também pode incluir uma ou mais propriedades na linha de comando para o instalador.

Algumas observações sobre as propriedades:

  • Todas essas propriedades podem ser usadas para a instalação inicial do cliente. Elas não podem ser usadas para atualizar configurações após a instalação inicial.
  • Os nomes da propriedade diferenciam letras maiúsculas de minúsculas.
  • Não há espaços em ambas as extremidades do sinal de igual.
  • Cada conjunto de propriedade está delimitado por um espaço.
  • As propriedades devem ser usadas depois das opções.
Propriedade Descrição Valor
ACCEPTEULA Aceita o Contrato de licença do usuário final (EULA). Se você não definir esta opção para 1, o Bridge não poderá ser instalado usando o modo silencioso. 1=Aceitar
0=Não aceitar (padrão)
CRASHDUMP Você pode definir essa opção como "1" para ajudar a melhorar o Bridge, enviando relatórios de erros para o Tableau automaticamente quando houver falha do cliente. Para obter mais informações, consulte Relatórios de erros. 1=Sim (padrão)
0=Não
DATABASEDRIVERS Instale o conjunto padrão de drivers de banco de dados que você pode se conectar no Tableau Bridge. Para obter mais informações, consulte Drivers de banco de dados.

Para baixar outros drivers de banco de dados, consulte a página Download do driver(Link opens in a new window) no site do Tableau. Você deve distribuir outros drivers usando qualquer ferramenta de gerenciamento de ativo para a implantação de software na sua empresa.

1=Sim (padrão)
0=Não
DESKTOPSHORTCUT Cria um atalho na área de trabalho. 1=Sim (padrão)
0=Não
DRIVERDIR Especifique um diretório de instalação (diferente do padrão) para os drivers de banco de dados. Esta opção cria o diretório e uma entrada no registro HKEY_LOCAL_MACHINE\. O local padrão dos drivers é C:\Arquivos de programas\Tableau\Drivers. Um caminho como o D:\Drivers
DRIVER_MSSQL

Desabilite a instalação automática do driver do Microsoft SQL Server durante a instalação do Tableau Bridge.

1=Instalar (padrão)
0=Não instalar
DRIVER_POSTGRES

Desabilite a instalação automática do driver do PostgreSQL durante a instalação do Tableau Bridge.

1=Instalar (padrão)
0=Não instalar
DRIVER_REDSHIFT

Desabilite a instalação automática do driver do Amazon Redshift durante a instalação do Tableau Bridge.

1=Instalar (padrão)
0=Não instalar
INSTALLDIR

Especifica um diretório de instalação diferente do padrão.

Se você especificar um diretório personalizado para o local de instalação e planejar instalar versões futuras nesse mesmo local, será necessário especificar uma subpasta específica da versão a ser instalada. Caso contrário, será necessário desinstalar a versão anterior primeiro.

Instalações lado a lado de várias versões no mesmo subdiretório não são suportadas.

Um caminho como o D:\Software\Tableau Bridge.
SKIPAPPLICATIONLAUNCH É possível definir essa opção como "1" para evitar que o novo aplicativo abra automaticamente ao concluir o processo de instalação. Essa opção se aplica ao manual. Essa opção não se aplica a instalações silenciosas, já que o Tableau Bridge não abre automaticamente ao usá-la. 1=Sim
0=Não (padrão)
STARTMENUSHORTCUT Crie uma entrada do Tableau Bridge no menu Iniciar do Windows. 1=Sim (padrão)
0=Não

Desinstalar o Bridge

Embora não seja necessário desinstalar versões anteriores do cliente do Bridge ao instalar uma versão mais recente, é possível desinstalar o Bridge 2018.2 e posteriores, caso não precise mais na máquina.

O método primário para desinstalar o cliente é por meio do Painel de controle do Windows.

Como alternativa, você pode usar o procedimento a seguir para desinstalar o Bridge da linha de comando.

  1. Abra o prompt de comando como um administrador.

  2. No local em que o .exe estiver instalado, execute o comando a seguir:

    tableau<installer_name>.exe /uninstall /quiet

Agradecemos seu feedback! Ocorreu um erro ao enviar o feedback. Tente novamente ou envie-nos uma mensagem.