tsm stop

É possível usar o comando tsm stop para interromper o Tableau Server. Se o Tableau Server já estiver interrompido, esse comando não faz nada.

Sinopse

tsm stop [option] [global options]

Opções

--ignore-node-status <nodeID>

Opcional.

Ignore o status do nó ou dos nós especificados ao determinar se houve uma interrupção do servidor. Essa opção é útil para a remoção de um nó danificado. Separe vários nós por vírgulas.

Observação: opção adicionada na versão 2020.1

--request-timeout <tempo limite em segundos>

Opcional.

Aguarde o tempo predefinido para que o comando seja concluído. O valor padrão é 1800 (30 minutos).

Opções globais

-h, --help

Opcional.

Exibir a ajuda do comando.

-p, --password <senha>

Obrigatório, com -u ou --username se não tiver sessões ativas.

Especificar a senha do usuário especificado no -u ou --username.

Se a senha tiver espaços ou caracteres especiais, coloque-a entre aspas:

--password "my password"

-s, --server https://<hostname>:8850

Opcional.

Usar o endereço definido para o Gerenciador de serviços do Tableau. A URL deve começar com https, incluir a porta 8850 e usar o nome do servidor, não o endereço IP. Por exemplo, https://<tsm_hostname>:8850. Se nenhum servidor for especificado, o https://<localhost | dnsname>:8850 é considerado.

--trust-admin-controller-cert

Opcional.

Use este sinalizador para confiar no certificado autoassinado do controlador TSM. Para obter mais informações sobre confiança de certificado e conexões CLI, consulte Conexão de clientes do TSM.

-u, --username <usuário>

Obrigatório se nenhuma sessão estiver ativa, com -p ou --password.

Especificar uma conta de usuário. Se não incluir essa opção, o comando é executado usando as credenciais de logon.

 

Agradecemos seu feedback!